Roda de Conversa discutiu futuro da advocacia pública

No Mês do Advogado, procuradores de Estado receberam membros da OAB-GO na PGE-GO


Advocacia pública: responsabilidade de promover felicidade! Essa foi a tônica do discurso de abertura do procurador-chefe do CEJUR, Rafael Arruda, organizador da Roda de Debates e Conversas realizada no dia 22, na sede da PGE, em evento comemorativo ao Mês do Advogado. Na ocasião, a procuradora-geral Juliana Diniz Prudente recebeu, ao lado de outros procuradores, o presidente da OAB-GO Rafael Lara, diretores, conselheiros e demais integrantes da seccional goiana.

Na abertura do encontro, Arruda citou a obra A Felicidade e o Direito Administrativo, de Jacqueline Morand, dando ênfase ao princípio da responsabilidade e ao trabalho exercido pela advocacia pública. “A felicidade está intimamente ligada ao princípio da responsabilidade, que é algo bem palpável, identificável, tangível, personalizável. Assim, no mês alusivo ao Advogado, devo aqui exaltar a responsabilidade daqueles que manejam e advogam pela coisa pública – os procuradores do Estado e todo um extenso corpo de advogados que atuam conosco no maior escritório de Advocacia de Goiás", destacou. 

A procuradora-geral Juliana Diniz Prudente lembrou que a Roda de Conversas fomentaria algumas discussões importantes verificadas durante as atuais gestões, que têm pontos em comum, como uma prestação jurisdicional mais célere, que é um consenso na atuação profissional atual da OAB-GO e da PGE-GO. “Voltamos os olhos para o que de fato nós produzimos com foco nos resultados que oferecemos à sociedade”, exemplificou. Para ela essa parceria, bem como outras ações com entidades representativas da sociedade, fortalece a Advocacia em todo o Estado. 

O advogado Rafael Lara ressaltou “ser engrandecedor” poder debater sobre o futuro da advocacia pública com colegas procuradores. Ele acrescentou que como representante de toda a advocacia do Estado, pode garantir que a OAB-GO estará sempre atenta às demandas desta categoria, que defende a supremacia do interesse público e assegura os direitos dos cidadãos. Uma conquista recente citada e fruto de parceria entre a OAB-GO e a PGE-GO foi a aprovação de leis que garantiram fundos constitucionais para o pagamento de dívida antiga do Estado com advogados dativos. “Agora a advocacia dativa vai poder começar a receber no mesmo ano que ela protocola uma certidão”, lembrou.

O evento teve apoio institucional da Apeg e contou com a participação do presidente da entidade, Claudiney Rocha. Ainda participaram do encontro o presidente da Casag, advogado Jacó Coelho, a secretária-geral da OAB-GO Talita Hayasaki, a secretária-geral adjunta Fernanda Terra e Eduardo Cardoso, diretor-tesoureiro da Ordem.

Joomla Gallery makes it better. Balbooa.com

Utilizamos cookies essenciais e tecnologicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.