Procurador do Estado lança livro sobre judicialização da saúde

Desigualdade de acesso à saúde e as consequências redistributivas da judicialização é o título do livro lançado pelo procurador do Estado de Goiás Alexandre Felix Gross, pela Editora Lumen Juris. A obra, que é resultado das pesquisas desenvolvidas no âmbito do mestrado realizado na Faculdade de Direito da Universidade de Brasília (UnB), está disponível na livraria virtual da editora (www.lumenjuris.com.br).

“Infelizmente, por conta das medidas de isolamento social, não será possível realizar um evento de lançamento neste ano”, diz o procurador, acrescentando que justamente a pandemia da Covid-19 revelou o quão importante é defender um sistema de saúde público e igualitário. “Refletir sobre as desigualdades que marcam nosso tecido social e sobre o papel que o SUS exerce para atenuá-las é urgente. O acesso igualitário à saúde é um direito fundamental, essencial para um país que pretende alcançar um patamar minimamente satisfatório de justiça social e equidade”, defende Gross.