Escolas da administração pública iniciam atuação conjunta

Escolas de órgãos e entidades da administração pública do Estado de Goiás deram o primeiro passo para a atuação conjunta com uma reunião realizada nesta quarta-feira, 12, na Escola de Governo. O objetivo é formar uma rede permanente para capacitação de servidores no âmbito do Estado de Goiás. Foram discutidas as principais ideias e ações consideradas viáveis pelas equipes das diversas escolas. A intenção é estabelecer um Termo de Cooperação entre elas, para permitir essa atuação conjunta.

Procurador-chefe do Centro de Estudos Jurídicos (Cejur) da Procuradoria-Geral do Estado (PGE), Antônio Flávio de Oliveira ficou encarregado de fazer os estudos para a formalização dessa união das escolas. Durante a reunião, ele falou dos projetos à frente do Cejur, voltados para o aprimoramento dos procuradores do Estado, e também da iniciativa de criação de um aplicativo que reunirá conteúdo de interesse de procuradores e outros operadores do Direito (como pareceres e resoluções da PGE) e também do público em geral.

Os dirigentes de escolas discutiram assuntos como a forma de remuneração de instrutores, demandas atendidas, capilaridade nos municípios, educação a distância, biblioteca física e virtual, relacionamento com a Escola Nacional de Administração Pública (Enap). A iniciativa faz parte do Projeto Semear.

Participaram da reunião representantes da Escola de Governo, Instituto Leopoldo de Bulhões (Tribunal de Contas do Estado), Escola Superior do Ministério Público, Escola Estadual de Saúde Pública e Escola Superior da Polícia Civil.

Fotos: Escola de Governo